24/05/2011 09:06

/ Última Atualização 24/05/2011 09:07

Wander Pessoa

Quadrilha que assaltou lotérica é presa pela Polícia Civil

Acusados foram detidos em uma chácara que fica em Limeira com armas

  • Foram apreendidas quatro pistolas, um fuzil CT 30, uma carabina 22, uma carabina 12 e um revólver calibre 22
  • Foram apreendidas quatro pistolas, um fuzil CT 30, uma carabina 22, uma carabina 12 e um revólver calibre 22
  • Ao todo, cinco integrantes da quadrilha foram presos
  • Foram apreendidas quatro pistolas, um fuzil CT 30, uma carabina 22, uma carabina 12 e um revólver calibre 22
  • Foram apreendidas quatro pistolas, um fuzil CT 30, uma carabina 22, uma carabina 12 e um revólver calibre 22
  • Ao todo, cinco integrantes da quadrilha foram presos
  • Ao todo, cinco integrantes da quadrilha foram presos
  • Foram apreendidas quatro pistolas, um fuzil CT 30, uma carabina 22, uma carabina 12 e um revólver calibre 22

Foram apreendidas quatro pistolas, um fuzil CT 30, uma carabina 22, uma carabina 12 e um revólver calibre 22

Marcelo Rocha

Policiais civis da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Americana prenderam ontem cinco integrantes de uma quadrilha acusada de roubar uma casa lotérica no bairro São Vito no mês de março. A prisão em flagrante ocorreu numa chácara em Limeira, onde foram encontrados armamentos pesados, grande quantidade de fios de cobre e drogas. De acordo com o delegado titular da DIG, Cláudio Eduardo Nogueira Navarro, o grupo preparava um novo assalto na região. Dois dos cinco acusados que foram presos são de Americana e os demais da Capital. Um sexto suspeito conseguiu fugir atirando contra os policiais.

Quadrilha que assaltou lotérica é presa pela Polícia Civil

Foram apreendidas quatro pistolas, um fuzil CT 30, uma carabina 22, uma carabina 12 e um revólver calibre 22

Marcelo Rocha / O Liberal

As investigações sobre o paradeiro da quadrilha começaram ainda no mês de março, após o roubo à casa lotérica. Na ocasião, cinco indivíduos roubaram dois malotes contendo R$ 15 mil em dinheiro, além de duas pistolas de policiais civis que estavam no local. "Com o apoio do serviço de inteligência, iniciamos os esforços para identificar os componentes do bando", afirmou o delegado.

Ontem, os policiais civis receberam a informação de que o grupo estaria reunido em uma chácara em Limeira, planejando um novo assalto. Com apoio de policiais do GOE (Grupo de Operações Especiais), sediado em Piracicaba, e de policiais da Delegacia Seccional, a DIG foi até o local e fez a prisão em flagrante de quatro pessoas. Um quinto suspeito foi preso logo em seguida no Parque Novo Mundo, em Americana. Na chácara, os policiais encontraram armas enterradas próximo a bananeiras e escondidas dentro de uma casinha de cachorro.

Foram apreendidas quatro pistolas semiautomáticas, um fuzil CT 30, uma carabina 22, uma carabina 12 pump de repetição e um revólver calibre 22, além de munição, lidocaína (usada no preparo da cocaína) e uma roupa tática usada por grupos especiais da Polícia Civil. Foram presos Alexandre Monteiro Baguez, vulgo "Cigano", apontado como o líder do grupo; Cleyton Rosário; Ricardo Frank Silva; Emerson Luís de Azevedo e Haniel Batista Ramos. Todos vão responder pelos crimes de formação de quadrilha, tráfico de drogas, receptação e porte ilegal de armas.

O envio de qualquer comentário
é de responsabilidade do usuário.